quinta-feira, abril 13, 2006

mais solitário que um paulistano

tem que começar de algum lugar. bom, acordei. entrei no banho - hoje em dia tomar banho de manhã escutando música é uma das melhores partes do meu dia - vesti uma roupa socialmente aceitável. terapia - cem reais por cinquenta minutos que realmente não valem a pena, se você se esquecer que é a futura profissão, e portanto, obrigatório - aula de psicanálise - freud, papinho, papão - faculdade, gente boba, gente burra, gente legal, e até inteligente - fenomenologia - sinuca e cerveja. a laura é uma menina da minha classe, ela é boba e inteligente, gostei dela. depois cerveja com a vic. foi assim: tocando cazuza e dorrs, anoitecendo, a leve embriaguez da cerveja, e do outro lado da mesa aquela menina absolutamente linda (e louca). tava encantada por mim, mas isso não me fez me sentir mais leve ou feliz - quiçá mais vazia.
aula bebâda do adriano, e papo depois: não tenho mais saco pra toda essa gente, quero me lançar de cabeça no hedonismo e na medíocridade. eu sou medíocre e não tenho caráter. e esses caras... que que eu faço?
vila - as vezes eu vou pra lá, as vezes eu encontro uma menina, que tá ficando com o meu homem. ela é linda, e....... bom, acho que é basicamente isso. encantadora.
depois sinuca láaaa longe.
sabe. a parte que eu mais gosto é quando eu vou dormir.

4 comentários:

vic (a mais legal delas) disse...

a sua parte favorita eh quando você chega na faculdade e a gente começa a escrever merda no caderno!

aninha disse...

ah é.. isso é legal também..

peixe disse...

eu gosto de acordar no meio da noite e descubrir que ainda tenho muito tempo pra dormir.

Anônimo disse...

Looks nice! Awesome content. Good job guys.
»