quinta-feira, outubro 12, 2006

vazio

parto nessas viagens de que te falo como um homem cego. passos de ansiedade na ida, e passos de quieto desespero na volta. busco enfim a parte de mim nas cidades a minha volta, busco a palidez no breu que nos afronta. busco a alma que perdi, e que no entanto, me procura. de cidade em cidade, e em lugar algum. não posso encontrar-me nas paisagens, não posso me encontrar com tais pessoas, enquanto for impossível.

2 comentários:

Marininha disse...

Ana, se escreve mto bem...

john lennon disse...

"Não se drogue por não ser capaz de suportar sua própria dor. Nenhum lugar fará você se sentir um homem. Eu estive em todos os lugares e só me encontrei em mim mesmo."